Marcas.

Nenhum comentário

Aquele instante pareceu uma eternidade,

Aquele pequeno instante,

Uma única palavra,

Congelou meu mundo,

Destruiu tudo o que conhecia.

 

Aquele instante pareceu uma eternidade,

So uma palavra foi preciso para me destruir,

Foi preciso uma eternidade para me reconstruir,

De um único instante,

De uma única palavra.

 

Nunca me imaginei tão frágil,

Nunca imaginei que poderia ser quebrada desta forma,

Mas aquele instante foi capaz de causa uma dor eterna,

Jamais serei a mesma,

Posso ter reconstruído tudo,

Mas as marcas sempre estarão lá.

 

Agora sei que não sou tão forte,

Mas também sei que sou mais forte que antes,

Foi so um instante,

Uma palavra,

Que me congelaram,

Enquanto via tudo ao meu redor desmorona.

Aquele instante pareceu uma eternidade,

Pois neste simples instante perdi tudo,

E vi mais frágil e ao mesmo tempo mais forte,

Pois agora depois de reconstruir tudo o que pedir,

Eu conheci meus pontos fracos,

Talvez em um próximo instante como esta,

Eu posso salvar algumas coisas.

 

Foi apenas um instante,

Foi apenas um apalavra,

Mas levarei suas marcas

Por toda a eternidade.

 

Afesua Kynomatsu 05/03/2019

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s